Bipolaridade - Uso de Drogas, Álcool, Irritabilidade e Agressividade

Consultei por muitos anos com psicólogos desde criança, por causa do meu comportamento, mas nada foi diagnosticado. Então parei os tratamentos, mas tenho todos os sintomas da bipolaridade. Gostaria de saber se esse transtorno causa um nível muito superior de agressividade, pois não tenho bom relacionamento nem com minha família, amigos e relacionamentos que já tive, chegando até agredir fisicamente. Se tiver gostaria de saber, pois pra mim é extremamente torturando ir a um psiquiatra sendo que não suporto a idéia de ter uma doença assim, ultimamente encontro-me usuária de drogas e sem motivação nenhuma para nada. (São Paulo).

 

Há diversas situações em que a irritabilidade é uma constante em muitos portadores do Transtorno do Humor Bipolar (THB). Todavia, irritabilidade e agressividade são duas situações diferentes.
O importante é que se tenha o diagnóstico de certeza a fim de que o tratamento possa ser corretamente instituído.


Já quanto ao uso de drogas, a literatura técnica recente sobre o Transtorno Bipolar e sobre o uso de drogas ilícitas e abuso de álcool aponta para uma prevalência elevada da associação Bipolaridade e uso de drogas e álcool. Há pesquisas realizadas nos Estados Unidos que chegam a apontar que mais de 50% dos portadores do THB abusam do álcool, ou já são etilistas crônicos, e usam substâncias psicoativas ilícitas com frequência.

Drogas como a Cocaína, o Crack e a Metanfetamina (Cristal ou Ice) podem se constituir em perigosos gatilhos para que o portador do THB tenha os sintomas da Bipolaridade agravados, podendo chegar a experimentar graves episódios de mania e franca sintomatologia psicótica. Também os componentes depressivos da Doença Bipolar poder ser desencadeados e prolongados pelo álcool e pelas drogas.


Há autores que consideram esta situação como Comorbidade Psiquiátrica, ou seja, a presença de mais de uma doença psiquiátrica em curso (neste caso: Bipolaridade e Abuso de Substâncias). Estes estudos parecem sugerir que a Bipolaridade pode conduzir ao abuso de álcool e de outras substâncias, e não o contrário.


Também sintomas psicóticos e agressividade podem ocorrer na associação Bipolaridade + álcool e Bipolaridade + drogas e Bipolaridade + álcool + drogas.


Em nossa experiência profissional temos observado que a associação entre Bipolaridade e drogas é altamente danosa ao paciente, sendo que a associação entre Bipolaridade e álcool, em algumas situações, pode ser ainda pior.


Evidentemente, não estamos aqui dizendo que todos os que abusam de álcool e que usam drogas são Bipolares, e nem tampouco que todos os Bipolares abusam de álcool e usam drogas. Mas que a associação entre Bipolaridade e abuso de substâncias é frequente, e isto é algo que se evidencia cada vez mais, a cada dia que passa.


Um dos grandes problemas envolvidos nesta questão é o fato de que existem portadores do Transtorno Bipolar que desconhecem sua condição psiquiátrica, ou seja, não têm a menor idéia de que a Bipolaridade está ativa e afetando o curso de suas vidas. Portanto, não sabem que estão abusando de álcool e/ou usando drogas porque estão sob as nefastas influências desta doença.


Finalizando, ainda um outro dado: A associação entre Bipolaridade, álcool e drogas também pode precipitar a resistência ao tratamento da Bipolaridade.

 

   Médico Psiquiatra

 

 

 

 

 

 

 

 

© Copyright Eduardo Adnet - 2010-2013 - Todos os Direitos Reservados

Home