Dr Eduardo Adnet


Médico Psiquiatra e Nutrólogo

Pergunte ao Psiquiatra | Bipolaridade


Esquizofrenia ou Bipolaridade? Limites tênues e delicados de duas Doenças Psiquiátricas Severas

Olá dr. meu irmão a partir dos 26 anos com o término de um relacionamento amoroso, deixou de ser normal. Ficou totalmente perturbado emocionalmente. Se tornou agressivo, triste, doente e passou a se comportar como se fosse um animal. As vezes ele se diz ser o anjo Gabriel, e em seguida o Gladiador, depois o próprio coisa ruim.... Dr será q ele possui o Transtorno do humor bipolar? Já agrediu fisicamente a todos nós. Minha mãe já não vive mais. Vegeta. Obrigada! (Bahia)

 

Ver Resposta

 

Variações do Humor, Transtorno Bipolar, o "Dr. Google" e o Diagnóstico em Psiquiatria

Meu marido diz que sou bipolar pois tenho variações de humor frequentemente em um dia posso estar feliz, triste deprimida e zangada em questão de horas nunca tinha percebido alguns dizem que tenho dupla personalidade pois as veses falo algo e derepente digo algo ao contrario do que dizia não gostar estou confução como faço para fazer um tratamento e descobri o que realmente acontece comigo ao 12 anos tentei suicidio poderia ser da bipolaridade por favor me responda abrigada. (Paraná)

 

Ver Resposta

 

Bipolaridade - Uso de Drogas, Álcool, Irritabilidade e Agressividade

Consultei por muitos anos com psicólogos desde criança, por causa do meu comportamento, mas nada foi diagnosticado. Então parei os tratamentos, mas tenho todos os sintomas da bipolaridade. Gostaria de saber se esse transtorno causa um nível muito superior de agressividade, pois não tenho bom relacionamento nem com minha família, amigos e relacionamentos que já tive, chegando até agredir fisicamente. Se tiver gostaria de saber, pois pra mim é extremamente torturando ir a um psiquiatra sendo que não suporto a ideia de ter uma doença assim, ultimamente encontro-me usuária de drogas e sem motivação nenhuma para nada. (São Paulo)

 

Ver Resposta

 

Transtorno Bipolar sem Melhora há Sete Anos

Boa noite Dr. Eduardo, meu nome é (...), sou de (...), SC, meu pai tem disturbio bipolar, mais ate hoje nenhum médico deu geito de fazer um tratamento adquado a ele, pois ele está cada vez pior, teve um médico de Rio do Sul, que disse que não sabia mais o que fazer, faz 7 anos que descobrimos essa doença nele, ele mudou muito. Ele fica o dia inteiro sentado, ele fica falando que tem ferros na boca, que tem alicate, ele sempre fica mexendo com a boca, diz que está tentando tirar os ferros da boca. Gostaria muito de sua ajuda, isso pode se dizer que é um filho desesperado sem saber o q fazer com seu pai, só queria o meu pai de volta. Se for preciso levo ele até Curitiba para se consultar com o Dr. Desde já agradeço pela atenção! Atenciosamente (...) (Santa Catarina)

 

Ver Resposta

 

Diagnóstico do Transtorno Bipolar e Tratamento

Dr. Eduardo Adnet, segundo as informações que eu passei ao meu psiquiatra, ele afirma eu ter transtorno bipolar. Faz 4 anos que eu tomo paroxetina, existe épocas que a medicação parece não fazer efeito desejado. O meu psiquiatra já recomendou tomar um lítio junto com a paroxetina. Eu tenho receio (medo) de ficar dependente em mais um farmaco.O que devo fazer? (Santa Catarina)

 

Ver Resposta

 

Transtorno Bipolar, Personalidade, Temperamento e Caráter

Olá Dr, Estou em tratamento psiquiátrico para transtorno bipolar há um mês. Apesar de nos últimos dois anos meus sintomas terem se agravado, percebo alterações em meu humor há bastante tempo. Estou muito confuso pois não sei mais o que é a doença e o que são minhas falhas de caráter. Tenho imensa dificuldade em manter amizades pois quando estou depressivo eu fujo das pessoas, então elas pensam que não gosto delas, ou que sou muito estranho para estar por perto. Já quando estou eufórico incomodo com minha ânsia por "justiça" e ser sempre "o certo". Não sei se o fato de eu perceber que sou assim dificulta meu tratamento, pois eu percebo isso há tempos e essa consciência apenas gera uma grande ansiedade e desespero. (Campinas - São Paulo)

 

Ver Resposta

 

Transtorno Bipolar, uso de Drogas e Internação

Bom dia, tenho um filho de 21 anos que já foi internado varias vezes, por usar e surtar com drogas, na ultima internação ficou 6 meses e diagnosticaram bipolaridade, mas saiu da clinica sem medicamento nenhum, e menos de um mês recaiu, e internamos de novo, não seria necessario acompanhamento psiquiatrico e quando da saida ele tomar um estabilizador? Por favor me ajude, será que é necessário uma internação tão longa? Tem alguém competente que poderia me indicar em São Paulo?

 

Ver Resposta

 

 

 

Dr Eduardo Adnet

Médico Psiquiatra e Nutrólogo